MATÉRIAS

▉ O PONTO DE ENCONTRO DOS CINEMATOGRAFISTAS DO BRASIL ▉

Loading...

terça-feira, 14 de junho de 2011

FILMAGEM COM HELIMODELISMO



Uma tendência cada vez maior é se usar helimodelismos para captação aérea. Devido ao alto custo de locação das aeronaves tradicionais, cada vez mais o Brasil tem sido inundado por este tipo de serviço. Na cidade de Belo Horizonte, 1 hora de helicóptero nao sai por menos de 3.500 reais. Em Vitória o valor é um pouco mais ameno, 2.500 reais. Por mais que o cinegrafista se prepare para que suas captações sejam objetivas, raramente conseguirá fazer alguma coisa com apenas 1 hora. Então o custo final de um trabalho com imagens aéreas acaba inviabilizando o prosseguimento da produção. Ou até mesmo o fechamento.

De olho na falta de opção, algumas produtoras aproveitaram esse nicho e estão oferecendo captações feitas por helimodelismo. Um mercado que o videomaker americano se esbalda já há muito tempo.
Engana-se quem ache que basta chegar numa loja especializada e comprar um helicóptero da promoção e sair voando por aí. Primeiro é o valor. Aeronaves com preços inferiores a 5 mil reais não são as ideais para o transporte de câmera onboard. Segundo é que para se “pilotar” um equipamento destes é necessário um curso para comandar com precisão os joysticks. Senão a queda pode ser pior que a esperada. Não só perder o equipamento como causar um acidente grave em quem estiver embaixo.
Então o preço do helimodelo está ligado ao tamanho. Quanto maior, mais caro. Quanto maior, melhor. O cálculo para ver o que uma pequena aeronave suporta é ver seu peso total. Se tiver 2 Kg, por exemplo, ele suporta levantar uma câmera de até 0,80 Kg. É por esta razão que cada vez mais a GoPro é a mais procurada para este quesito.  Para se conseguir menor redução de vibração e ruido, escolha helicóptero elétrico. Ao escolher qual motor e bateria usar, a atenção deve se voltar mais para economia, capacidade e peso, do que se voltar para a potencia máxima descarregada durante um curto período. 
Os modelos mais procurados para se fazer uma GoPro voar são: T-rex 600, Raptor 90 com modificações, CB 5000.
Quem é louco por diferencial ou procura um mercado em plena ascensão, sugiro que comece suas pesquisas por modelos que possam transportar câmeras ou até mini dirigíveis (que não geram ruído) para gravações indoor. Imagine um cerimonial onde uma câmera navegue por cima de todos? 
A dica foi dada. Agora é com você.



● Quem está aqui agora

● Estamos chegando a 2 milhões de acessos!

Twitter Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Download from Blog Template