MATÉRIAS

▉ O PONTO DE ENCONTRO DOS CINEMATOGRAFISTAS DO BRASIL ▉

Loading...

domingo, 30 de outubro de 2011

UM NEGÓCIO CHAMADO VÍDEO-PRODUÇÃO

Uma das mais afinadas equipes da Memory. Hoje alguns seguem por novos rumos, com sucesso!
Muitas pessoas entram no negócio chamado de vídeo-produção de pára-quedas. Outros por necessidade mesmo. E mais tantos outros como um antigo sonho. Mergulham  como videomakers de casamento e eventos, e quase sempre trabalhando sozinhos. Ou é o tal  sonho antigo, ou mesmo uma oportunidade de ficar livre do chefe chato que paga mal. E também aqueles que veem na filmagem um bico ou complemento da renda familiar.
É um mercado fácil de entrar. Mas tremendamente competitivo e difícil de manter na crista da onda. Mas não impossível. Para sobreviver nesse mar de tubarões, você deve se especializar e procurar conhecer os detalhes deste negócio. Se bem feito, pode lhe render ótimos frutos. E um bom dinheiro.

Todos têm aquele momento em que decidimos seguir por carreira solo. Mas antes de fazer isso, pesquise seu mercado, veja se você mesmo está preparado para tal e dê o pontapé inicial.
Lembre-se sempre: O ingrediente principal de nosso negócio não é a filmadora ou a DSLR. É a criatividade. Ela é que abrirá as portas da tão sonhada “Minha Empresa, Meu Negócio”.

Passei por muitas fases nestes 32 anos de profissão. Entre elas, aprendizado na TV onde dediquei 20 anos de minha vida, viagens pelo Brasil e mundo à trabalho, mudanças de equipamentos, término de sociedade (ufaaa) e escolha da melhor equipe. Aprendi muitas lições ao longo deste caminho, ora verdejante, ora cheio de pedras, e em alguns momentos com buracos escondidos. Aprendi muita coisa ao longo desta estrada.

Hoje, no meu Blog, quero compartilhar os 10 passos para que os erros do passado não sejam repetidos pela nova geração que aí está, sedenta de sonhos e projetos.

“Mas se você achar que eu tô derrotado, saiba que ainda estão rolando os dados. Porque o tempo, o tempo não pára...” Cazuza/Arnaldo Brandão

Passo 1 - Vai abrir um negócio, mesmo informal? Se puder abrir sozinho, ótimo. Deixe a possibilidade de colocar um sócio como última das opções. Existem empresas que sobrevivem, e muito bem, com sociedade. Mas é questão de sorte. Assim como um bom casamento onde os cônjuges devem se amar pra sempre. Minha experiência foi a pior de todas, pois além de terminar a sociedade, o desgaste emocional ainda faz parte do meu dia-a-dia.

Passo 2 - Aprenda o que puder sobre administração de empresa. Seguros, impostos, registro de marca, planos de negócios, publicidade, compras de equipamentos, aluguel, telefone, marketing, preço, faturamento, dívidas, cronogramas de produção, contratos, crédito.
Dar o pontapé inicial não é fácil. Então comece com consciência e conhecimento.

• Passo 3 - Parcerias com profissionais da mesma área, como fotógrafos, cerimonialistas e cerimoniais, alguém que possa lhe indicar, pode ajudar e muito no primeiro empurrão. Mas podem criar ramificações e exclusividades que podem lhe engessar.  Um exemplo são videomakers que se associam a um fotógrafo e que fazem os demais concorrentes não lhe indicar mais, com medo de que a parceria lhe “roube” o cliente.

• Passo 4 - Crie mercado para vários clientes. Se você já estiver engajado e com certo nome no mercado, pode escolher o segmento. Se não, abra seu leque para clientes de várias classes sociais. Aos poucos defina o mercado que vai querer atuar. Quando comecei, ficava em um bairro da periferia e cobrava R$ 400 por casamento. Ainda editava casamento dos outros cinegrafistas que não tinham ilha de edição. Trabalhei muito, passei raiva, aperto e decepção. Montei meu projeto pessoal, fui para um bairro nobre, adotei estratégias simples de marketing e consegui, junto com tantos outros feras do mercado, estar com eles na crista da onda.

Passo 5 - Descubra então que tipo de produtora de vídeo você quer ser. Descubra seu nicho de mercado para que possa focar suas estratégias de comunicação e ainda investir no equipamento certo. Fico triste quando vejo muitos leitores meus com pressa, querendo colocar seu dinheiro suado em equipamentos que não servem para trabalhos profissionais.  Melhor é guardar este dinheiro, juntar mais e comprar a coisa certa.

• Passo 6 - Faça um mostruário que represente quem você é e o que você faz. Essa é uma das ferramentas de marketing mais poderosas neste mundo virtual. A impressão que seus possíveis clientes podem ter de você deve ser criadas nos primeiros 30 segundos. Se seu vídeo continuar a ser assistido após isso, parabéns.  Foque seu mostruário para o seu público-alvo e aguarde os resultados que virão em breve. Se seu trabalho é bom, crie links de seus parceiros em seu site e peça que seu links estejam nos deles.  E aprenda a ter ouvido seletivo: Vai aparecer muito “profissa” que irá julgar seu trabalho de forma a menosprezá-lo. Toda crítica é super bem vinda. Mas deve ser acompanhada de uma boa dica para ser implantada no seu trabalho. Simplesmente “eu não gostei” é papo de invejoso. Saiba comer a fruta, e aproveitar o caroço!

• Passo 7 - Acostume os seus clientes com reunião de produção e desenvolvimento de roteiro. Parece coisa de filme publicitário, mas não é. Sente com seu cliente e desenvolva um pré-roteiro de seus desejos e anseios. Escolha o assunto mais importante do evento. Lembrando que hoje em dia um casamento, por exemplo, não é mais uma simples filmagem da igreja e da festa. É uma história de vida do casal transformada em filme. Roteirize alguns passos importantes para a produção do seu trabalho e desenvolva os conceitos básicos de uma produção: história, principais atores, locações, trilha sonora, concepção. Pode ter certeza, atitudes profissionais como esta gerarão ao seu negócio um enorme respeito profissional, além de valorizar seus serviços.

Passo 8 - Não cometa erros. Nesta área o erro é inadmissível e jamais explicável. As exceções são mínimas, ou únicas, como um caso de morte. Fora isso, se você cometer um erro com algum cliente por má iluminação, equipamentos defeituosos ou edição pobre, chegar atrasado, e tantas outras coisas, ele jamais vai lhe perdoar.  Além de não voltar, vai impedir que muitos outros clientes em potencial cheguem até você. Cometeu um erro? Seja nobre em admitir e humilde em pedir perdão. As conseqüências podem não mudar mas a sua atitude pode mudar corações.

• Passo 9 - Fique ligado às mudanças, porque as coisas mudam a toda hora, cada vez mais rápidas. E de uma hora pra outra. Acompanhe as mais recentes tendências em equipamentos e tecnologia. Elas mudam a maneira de fazer negócios e entregar seu produto.  É o caso das DSLR. Eu, pessoalmente, acreditei na virada de mercado, mas como queria colocar o foco da empresa em vídeos corporativos, dei as costas ao vídeo social. Quando tive um casamento cancelado porque minha cliente gostou do da concorrência, a ficha caiu e corri atrás. Como tenho uma imensa rede social e sei usá-la à favor, já conseguimos reverter o quadro. Novos projetos e reestruturação da empresa começam a seguir. O tempo não pára!

Passo 10 - Não tem como começar seu próprio negócio agora? Então considere trabalhar para alguém. Comece com o tipo de empresa que você gostaria de se tornar, e vá aperfeiçoando suas técnicas e ampliando seus conhecimentos. Depois de entender o mercado e seu trabalho, poderá escolher o que quer realmente fazer: abrir seu negócio ou trabalhar para uma boa empresa. Sempre esteja preparado para ambas.

Mais difícil do que estar na crista da onda é se manter na crista da onda. Este é o grande desafio do dia a dia. Ser diferente, ser atual, estar na tendência, viver o trabalho.
Um grande orgulho que eu, como profissional e a Memory Produções tem, é a de ter formado profissionais que hoje atuam nos mais diversos ramos da comunicação. São diretores de cinema, diretores de programas de TV, apresentadores de telejornais, videomakers de sucesso, editores e tantos outros que hoje vejo, por esse Brasilzão, fazendo a diferença em um mercado tão desvalorizado por uns e altamente prestigiado por outros.
Quem faz nossa história e nosso preço somos nós. Não permita que ninguém fixe uma tabela de preços em você. Busque a excelência, sempre!
========================================================
Você pode segmentar seu negócio ou abranger vários serviços. A Memory decidiu pela diversificação que os segmentos proporcionam. Atende desde vídeos sociais até corporativos e publicitários. Veja nosso trabalho corporativo, gravado com Nikon D7000.


● Quem está aqui agora

● Estamos chegando a 2 milhões de acessos!

Twitter Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Download from Blog Template