MATÉRIAS

▉ O PONTO DE ENCONTRO DOS CINEMATOGRAFISTAS DO BRASIL ▉

Loading...

quarta-feira, 27 de abril de 2011

FILMAGEM A 1,99

Câmera de apenas 1 lux! E o filmador, bem vestido.

Este texto não é meu. É do blog do fotógrafo Zack Arias. É tão bom que mereceu a replicação aqui no meu blog. Aqui segue uma adaptação livre para os cinegrafistas que vendem a alma ao diabo e o serviço por 1,99. Neste caso vamos chamar o dito cujo de filmador...só pra machucar!

“Cinegrafistas e fotógrafos baratos não destroem o mercado, apenas suas carreiras.”

O Filmador Baratinho
A publicidade de um cinegrafista de casamento em um anúncio de classificados oferece serviços de filmagem a partir de R$ 300,00.
Isso é barato?
Este filmador é parte do problema em nossa indústria? É um predador?
Absolutamente não. Admiro o esforço. Admiro o fato de que ele está tentando. Agora, se você é do tipo de cinegrafista profissional que olha para tudo isso e diz: “Isso é prostituição de mercado! Você não pode ser um cinegrafista cobrando 300 pratas por um filmagem!”.
Sim, se você é este tipo de cinegrafista, deixe-me desafiá-lo.

O Cliente sem Grana
Pense nas noivas por aí que não tem um bom orçamento, mas quer seu casamento filmado. Talvez existam casais jovens se casando que não têm os pais pra pagar por um grande evento ou eles não querem começar a sua jovem família em dívida, mas que gostariam que alguém filmasse seu casamento. Você está dizendo que se eles não podem pagar 300 pratas ou mais, então eles não merecem a filmagem? Você está dizendo que se eles não podem pagar um Mercedes, então eles não deveriam nem dirigir? Que vergonha. Nem todos podem pagar preços de nível profissional. Isso não significa que eles não podem ter algum nível de serviço de filmagem disponíveis para eles.

Já Começou Baratinho
Você começou filmando casamento de graça por sete anos, só para aprender. Sacaneava um monte de concorrênte. Passou a cobrar 100 reais. Depois 140. Depois pulou para 200 reais. Dentro de um ano já estava cobrando 300 reais e vivendo apenas em filmagem de casamentos. O objetivo era filmar 8 casamentos por mês por 300 reais cada uma e preencher o resto das necessidades financeiras com um segundo trabalho, ou qualquer outro emprego que pudesse conseguir. Após um ano, com o marketing das noivas falando de seu trabalho, já estava faturando uma grana e já era o bam bam bam dos casamentos. Não demorou muito, sabe o que aconteceu? Voce quase fechou o seu negócio.

Isto é o que acontece quando você é o filmador baratinho que subestima seu preço. Ou você não encontra trabalho suficiente para se manter vivo e tem que sair do negócio, ou você fica tão ocupado sendo o filmador barateiro que não pode manter-se bem com a carga de trabalho e tem que sair do negócio, e foi isso que aconteceu comigo. Você pode até ser o cara do 1,99 por algum tempo, mas vai ter que fazer uma alteração em seu preço, seja para sobreviver, porque você não está recebendo muito trabalho, ou para obter menos clientes para que você possa acompanhar o trabalho e realmente ter um dia de folga de vez em quando.

Fazendo Contas
Alguns de vocês podem ler isto e pensar: “8 casamentos por mes a R$ 300 cada = R$ 2.400 por mês = R$ 28.800 por ano.” E você está pensando assim, que você gostaria de ter esse “problema”. Se você é jovem, solteiro, sem filhos, sem animais, vivendo com seus pais ou em um apartamento pequeno  e dirigindo um carro velho e sem planos de pagamento de impostos, então sim … filmar a R$ 28.000/ano parece realmente bom.

Real Life
Mas deixe-me dizer como é no mundo “real”.

Primeiro de tudo,  graças a nossos impostos, saiba que o governo leva cerca de 30% disso. Se não é no imposto de renda, de alguma outra forma os impostos chegam a isso, então inclua este percentual no orçamento. Você quer comprar uma casa um dia e, para fazer isso como um autônomo, tem que mostrar que realmente ganha dinheiro fazendo isso. Se não declarar a renda ou pagar impostos, então não vai ter a papelada para mostrar que tem renda quando se trata de comprar uma casa, então não declara nenhum centavo que ganha. É muito tentador ocultar renda e é muito fácil de fazer também, mas um dia o leão pode te pegar e aí, já era. Como está escrito na Bíblia: Dai a César o que é de César.

Assim, seus R$ 28.800 cairam para R$ 20.160 ao ano. Quanto custa para você viver? Vamos colocá-lo em um apartamento de R$ 800 + condomínio, adicione um pouco do seguro do carro, um jogo de pneus, uma ida a oficina de vez em quando, supermercado, uma cervejinha aos domingos, comprar fitas, estojos, DVD, e volta e meia dar um presentinho pra madame. A vida pode facilmente custar cerca de R$ 1.500 por mês em muitos lugares. Especialmente lugares que realmente tem 8 noivas por mês batendo na porta do seu pequeno negócio. Isso é 20.160 todo ano, por isso você tem apenas $ 20.160 de lucro para o ano.

Muita Grana
Uau! Isso é uma “puta” grana! Bom demais.

Agora case e jogue os filhos na mistura e sua vida facilmente se torna mais cara uns R$ 1.000 por mês. Temos cerca de 20.160,00 reais por ano de lucro. Não é mau. E agora mais 1.000 de despesas por mês.
Ah espere! Você está filmando 8 casamentos por mês. Você é o “cara”. Esqueci que seu carro precisa de gasolina pra andar. Ah sim, e você precisa de um seguro pra ficar mais tranquilo. Você acha que vai continuar entrando 8 noivas por mês pela porta do seu negócio sem algum tipo de publicidade, networking, marketing e presença na web? Sem chance.  Opa, lembrei que tá todo mundo na era do FullHD, Blu Ray e você está ainda filmando com uma câmera que precisa de um caminhão de luz, e que não foi você quem comprou. O papai que deu de presente. Vai ter que comprar outra câmera.? Sorte que essa ainda não deu defeito. Observe que você ainda não comprou um terno novo com este orçamento. Você está comendo no restaurante da esquina três vezes ao dia também. Quer tirar férias? Não pode. Quer plano de saúde? Hahahahahahahaha! Essa é engraçada! E tem que pagar o INSS, afinal um dia você vai precisar descansar. Kkkkkkk, cinegrafista inocente! Você só está trazendo 20.160 reais por ano. Você não pode pagar um plano de saúde nem o INSS. Melhor pensar em voltar pra casa da mamãe. Se ela ainda estiver viva...putz, foi mal.

Você É O Cara
Olhe para a carga de trabalho também. 8 casamentos por mês.  Toda sexta e sábado e voce lá, ralando. Você tem 10 dias para fazer a pós-produção, responder e-mails, visitar clientes, fazer seu network, passar tempo com amigos e família, dormir, etc. Você está em um casamento destinado a morrer. Você está tentando manter sua empresa viva. Você está tentando ser tudo para todos. Marido. Pai. Artista. É uma vida dura que pode te tomar tudo e dar de presente um divórcio. Não que eu queira que isso aconteça. Substitua o divórcio por um acidente de carro, ou um câncerzinho, ou um dedo quebrado, exatamente o que aperta o REC. Você mal sobrevive trazendo 20.160 por ano. Mas lembre-se: “Você é o cara”.

Você é persistente. Existem filmadores que são muito mais caros do que você e há um exército desses babacas careiros querendo te derrubar… mas você permanece em pé. Você está vivo. Ainda não tem plano de saúde. Ainda não comprou a casa própria. Ainda usa a HD1000 que ganhou de presente, mas sonha com uma bela Z7. E carrega um monte de luz dentro do seu carro velho. Meu chapa, posso dizer uma coisa. Você é o Heman....você tem “a força!”.

Conclusão
Eu escrevi tudo isso para mostrar meu ponto de vista, de que a filmagem barata e o filmador de 1,99 tem o seu lugar. Ele tem o seu lugar para os clientes que não podem pagar muito. E a filmagem barata  tem o seu lugar para os filmadores tentando construir algo do nada. Afinal sempre teve lugar pra tudo e todos.
Até pra nada.
A Loja dos cinegrafistas do Brasil - Visite o site clicando AQUI

...

● Quem está aqui agora

● Estamos chegando a 2 milhões de acessos!

Twitter Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Download from Blog Template